A IMPORTÂNCIA DOS RETORNOS COM O ODONTOPEDIATRA – Por Dra. Maria de Fátima Zambon

dra. Maria de Fátima Zambom Souza – Cirurgiã Dentista – Especialista em Odontopediatria

Tão importante quanto levar seu filho ao odontopediatra é retornar ao consultório no tempo proposto por ele.
Sabe por que? O seu filho está em crescimento, e o crescimento e desenvolvimento orofacial precisam ser acompanhados de perto.
Além disso as ações de prevenção precisam ser contínuas para surtir efeito a longo prazo na criança.
Muitas vezes se a criança demora para retornar para consulta, o quadro clínico dela já pode estar com alguma alteração em nível avançado e as consequências serão mais sérias.
Ao passo que se ela retornasse dentro do tempo proposto, uma possível alteração já teria sido detectada logo no início e seria muito mais fácil de resolver.
É preciso entender melhor o conceito de prevenção: que são um conjunto de medidas antecipadas com intuito de previnir algo.
Assim, dentro da prevenção em Odontopediatria, os retornos periódicos são de extrema importância.
Os pais devem cumprir seus ‘deveres de casa’ incentivando os hábitos de higiene e controlando a dieta dos filhos.
Mas também precisam levar as crianças para os retornos dentro do prazo estipulado pelo dentista.
Isso tudo vai contribuir para que seus filhos cresçam com uma boa saúde bucal.
O que mudou de uns anos para cá?
Não é mais o momento de levar as crianças ao odontopediatra somente quando observam algum problema, ou quando a criança apresenta algum sintoma como dor e desconforto. Como era antigamente.
Hoje em dia as consultas devem ser priorizadas como forma de prevenção e não apenas curativas (para resolver problemas).
Se os problemas surgirem vamos resolver no início, mas o mais importante é conseguir evitar que muitos problemas apareçam.
Esse é o nosso intuito e é para isso que estudamos e nos dedicamos tanto. Para ajudar as crianças a terem sorrisos saudáveis.
LEMBRANDO: os retornos são estipulados de maneira individualizada, de acordo com cada paciente.
Não existe uma regra de tempo de retorno que se encaixe em todos os casos.
O odontopediatra faz essa avaliação de forma individual respeitando as características particulares de cada caso.
Mas quando ele estipular o tempo de retorno, faça o melhor para o seu filho e retorne para uma nova consulta.
Vamos sorrir juntos.

Comentários

Comentários

Esta matéria foi visualizada139 vezes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *