CRIANÇAS DE 14 E 5 ANOS SOFREM ABUSO SEXUAL DE VIZINHOS

Conselheiro Pena – Duas crianças, uma de 14 e outra de 5 anos, deram entrada no hospital da cidade, ontem 12/01 com suspeita de terem sido abusadas sexualmente.

As crianças foram levadas para o hospital,  que chamou a Polícia Militar. A mãe da criança de 14 anos, suspeitou que algo tivesse acontecido com a filha, depois que a menina  chegou em casa muito assustada e com as mãos frias. A criança, depois de insistência da mãe disse que um vizinho de nome “Clésio” teria passado a mão em seu corpo e que havia praticado ato sexual com ela sem seu consentimento.

O fato teria acontecido há duas semanas, na casa do suspeito, antes de se consumar o ato sexual, o tal “Clésio” pegou um pedaço de pano, teria colocado no rosto da menor, apontando uma faca no pescoço dela e dizendo: “se você não ficar comigo, vou te matar, você está achando que estou de brincadeira?” – a criança relatou à mãe que tudo foi filmado por um parceiro do suspeito.

A mãe da menina, suspeitou que a filha de sua vizinha, de apenas 5 anos, poderia ter sofrido abusos também, pois já tinha visto a criancinha brincando na garagem do suspeito e contou à vizinha.

A mãe da menininha, questionou se havia acontecido alguma coisa, segundo consta do Boletim de Ocorrência, primeiramente, a criança disse que somente estava brincando de bicicleta na garagem do suspeito. Entretanto, na data do dia 12/01, conversou novamente com a menor, tendo ela descrito como seria a residência de “ Clésio” em seu interior, relatando ainda que o suspeito a convidou para sentar na cama dele e começou a passar a mão em sua perna, dizendo para ela que não ficasse com medo, tendo, na sequência, passado a mão nas nádegas da criança, que muito assustada saiu correndo da casa.

A Polícia Militar acionou o Conselho Tutelar para acompanhar o caso, junto à Delegacia de Polícia, quanto ao IML para que as crianças fossem examinadas.

Os militares fizeram várias  diligências à procura de mais informações sobre os suspeitos, mas até agora o caso não foram localizados. As mães das crianças, não souberam informar os dados, do tal “Clésio” e seu comparsa, mas que ficaram sabendo que ele teria ido embora para Vitória-ES.

A Polícia está investigando o caso.

Equipe PM: Sgt Natália e Cb Fernandes

Comentários

Comentários

Esta matéria foi visualizada6.341 vezes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *