SEMANA NACIONAL DO TRÂNSITO NA BR 259

transito6pina

O trânsito Brasileiro é recordista em mortes e acidentes com vítimas, onde segundo as estatísticas 90% dos acidentes ocorrem decorrente as falhas humanas, entretanto, grandes parte desses acidentes poderiam ser evitados com a prática de boas maneiras, educação e cumprimento das normas de trânsito, pelos usuários das vias.
A partir do momento que se reconheça os acidentes de trânsito, como um dos mais graves problemas de saúde pública, verificando-se um elevado gasto econômico, de recursos materiais e, sobretudo humanos, que se defronta a sociedade moderna, pois anualmente é ceifado mais de um milhão de vidas no mundo, fazendo do acidente de trânsito um desafio a ser enfrentado pela as autoridades de trânsito e toda a sociedade.
Neste sentido, trabalhar a consciência dos usuários dos veículos visando obtermos que cada condutor de veículo venha entender que a prevenção de mortes e lesões no trânsito, somente depende da ação individual.
Durante a Semana Nacional do Trânsito, o 2º Grupamento de Polícia Rodoviária do 3º Pel Mat, com sede em Conselheiro Pena, realizou várias blitz educativas nas rodovias, quando levou ao conhecimento dos usuários, principalmente aos condutores de veículos o Tema da Campanha Nacional de Trânsito: EU SOU + 01 POR UM TRÂNSITO + SEGURO, bem como, o Pacto Nacional pela Redução de Acidentes.
Foram desenvolvidas várias atividades tanto em Conselheiro Pena, como na cidade de Aimorés, como deste de bafômetro, palestras nas escolas, parcerias com o Lions Clube, prefeitura de Aimorés e hidrelétrica Eliezer Batista.
Houve distribuição de panfletos educativos, orientações de forma a manter o trânsito mais seguro e mais humanizado.
As ações educativas, da semana do trânsito, tem por objetivo chamar nossas atenções para os condutores de veículos, para os caminhoneiros, e principalmente as crianças e adolescente, estes que serão os futuros motoristas de nossas estradas e ruas.

Comentários

Comentários

Esta matéria foi visualizada1.564 vezes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *