SERVIÇO MILITAR FAZ ENTREGA DE CERTIFICADOS DE DISPENSA DE INCORPORAÇÃO EM GOIABEIRA

IMG-20171011-WA0009

Goiabeira – A 243 ª Junta Militar de Serviço Militar realizou nesta terça-feira, 10 de Outubro, a cerimônia de entrega do Certificado de Dispensa de Incorporação.

O evento aconteceu na Câmara Municipal de Goiabeira e contou com a presença de autoridades locais e de diversos segmentos da sociedade.

Estiveram presentes, o Prefeito Municipal e também Presidente da Junta de Serviço Militar, Hélcio Nogueira, o vice-prefeito municipal Senhor Nemésio Carrijo, 1º Tenente do Exército (PRM 002/04), Arnaldo José Macabu Rodrigues, Sargento Adimilson e Sargento Mércio, a Diretora da Escola Municipal Walmir Sherr, Erley Guimarães Dias, Diretor da Controladoria Municipal, William Marques Silva, o Presidente da Câmara Municipal de Goiabeira, Admilson Tavares, os vereadores Roberto Costa, Jacy Peres (representado pelo Presidente do Conselho Tutelar, Weider Peres), o Presidente da Câmara Municipal de Cuparaque, Custódio Marcelino Neto ´´ Todinho ´´, o secretário da JSM 243 Goiabeira, Natanael Leandro Júnior, a secretária da JSM 052 Conselheiro Pena, e a secretária da JSM 208 Tumiritinga, Priscila Pereira Vieira.

O Certificado de Dispensa de Incorporação (CDI) é um documento de suma importância para todo cidadão. Sem ele, o jovem fica impossibilitado de expedir alguns documentos a exemplo do Titulo de Eleitor, CPF e Passaporte.

Durante o evento, foi destacado que mesmo dispensados de suas obrigações militares, os jovens possuem grande responsabilidade perante a Pátria como cidadãos brasileiros, porque cada um representa o futuro da nação.

Finalizando o ato cívico, o mestre de cerimônia proferiu o encerramento do evento e em seguida foi feita a entrega dos Certificados de Dispensa de Incorporação aos jovens alistados.

Vale lembrar aos jovens que não participaram da cerimônia de entrega de certificados, que procurem a Junta de Serviço Militar.

Vários Jovens estiveram na cerimônia e receberam o certificado. O alistamento militar é obrigatório para todo cidadão brasileiro do sexo masculino.

O brasileiro que não se alistar no prazo previsto estará em débito com o Serviço Militar na situação de “fora do prazo”. Ao não estar em dia com as suas obrigações militares, o cidadão não poderá:

  • Obter passaporte ou prorrogação de sua validade;
  • Ingressar como funcionário, empregado ou associado em – instituição, empresa ou associação oficial, oficializada ou subvencionada;
  • Assinar contrato com o Governo Federal, Estadual, dos Territórios ou Municípios;
  • Prestar exame ou matricular-se em qualquer estabelecimento de ensino;
  • Obter carteira profissional, registro de diploma de profissões liberais, matrícula ou inscrição para o exercício de qualquer função e licença de indústria e profissão;
  • Inscrever-se em concurso para provimento de cargo público;
  • Exercer, a qualquer título, sem distinção de categoria ou forma de pagamento, qualquer função pública ou cargo público, eletivos ou de nomeação;

Receber qualquer prêmio ou favor do Governo Federal, Estadual, dos Territórios ou Municípios.

Comentários

Comentários

Esta matéria foi visualizada290 vezes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *