PORQUE LEVAR SEU FILHO AO ODONTOPEDIATRA? – Por Dra. Fátima Zambon

dra. Maria de Fátima Zambom Souza – Cirurgiã Dentista – Especialista em Odontopediatria

Levar a criança ao consultório de dentista quando ela demonstra dor e desconforto é importante, mas não deve ser feito apenas em situações do tipo. Sabe-se que muitos hábitos acompanharão uma criança até sua fase adulta, principalmente costumes relacionados à higiene e comportamento. Então, é importante que os pais estejam preparados para instruir seus filhos a cuidar de sua saúde e higiene bucal da melhor forma possível. Para que os responsáveis saibam educar corretamente e motivar seus pequenos, consultar um dentista para crianças, o odontopediatra, é um recurso necessário, pois ele poderá guiá-los nessa importante tarefa.
Prevenir antes de tudo
O odontopediatra oferece uma consulta odontológica focada em bebês, crianças e adolescentes. Pode-se dizer que a missão deste profissional é educar pais e crianças a programar uma rotina saudável de cuidados bucais para, assim, prevenir doenças odontológicas e problemas bucais que resultem em dificuldades no desenvolvimento da criança, como mordidas cruzadas, que podem atrapalhar o processo mastigatório, a produção de sons e provocar o bruxismo. Um bom acompanhamento com o odontopediatra, em poucas palavras, ensinará os pais e crianças que é melhor prevenir problemas do que tê-los, evitando que a criança sinta dores.
Atendimento diferenciado
O atendimento aos pequenos pacientes e seus pais é diferenciado. A odontopediatria, por ser um dentista para crianças, tem interesse em criar um vínculo e uma relação de confiança entre o paciente, os responsáveis e o próprio profissional, permitindo que a criança se sinta à vontade tanto no ambiente quanto com os adultos presentes. Não é novidade que quando uma criança fica à vontade em um espaço, seu comportamento com as pessoas é mais fácil. Confiando no dentista, é possível afirmar que ela estará mais aberta para conversar, aprender e permitir que o profissional faça os exames necessários. Conquistar a confiança do pequeno paciente é a chave para o sucesso de qualquer tratamento que o odontopediatra recomendar.
Com calma e sem traumas
É fácil encontrar adultos com aversão à cadeira do consultório. Isso é simples de ser explicado: a grande maioria dos adultos são traumatizados por algum evento que ocorreu durante a infância. É comum que a falta de orientação a pais e mães sobre quando levar os pequenos ao dentista resultem em idas esporádicas ao consultório, apenas em momentos de dor e incômodo. Como falado no começo do texto, é fundamental pedir socorro ao profissional, porém não deve ser a única. Visitas regradas ao odontopediatra evitam traumas e, além de garantir um tratamento contínuo, garantem que a saúde bucal da criança esteja em dia.
Os pais devem levar os filhos ao odontopediatra porque é o profissional preparado para prevenir doenças odontológicas e educar tanto as crianças como seus responsáveis sobre as melhores opções para manter sua saúde bucal. O atendimento será realizado nas melhores condições para a criança, afinal, o profissional de odontopediatria visa a construir uma relação de confiança com ela. Com essa confiança, o sucesso dos procedimentos definidos pelo profissional está garantido.
Você já levou seus filhos ao odontopediatra?

Esta matéria foi visualizada1.778 vezes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *