ACADEMIA DE BOXE FAZ 1 ANO – ALUNOS FAZEM HOMENAGEM AO INSTRUTOR LUIZ CARLOS

boxe3

O boxe é unanimidade quando se trata de manter a forma física, especialmente entre as mulheres. A nobre arte, como a modalidade é conhecida, espalhou-se pelas academias e vem conquistando novos adeptos e, especialmente, adeptas.
Os motivos para essa popularidade toda são vários. Obter um corpo mais forte, aumentar a autoconfiança e ampliar a percepção corporal e coordenação motora são apenas os mais conhecidos deles. Equilíbrio emocional, melhoria do desempenho cardiovascular e tonificação dos músculos também são resultados pra lá de desejados por quem se dedica a esse esporte.
Para se ter uma ideia, em um treino de uma hora o praticante de boxe pode queimar entre 350 a 500 calorias, o que é muito mais do que se perde com corrida ou musculação, aumentar sua velocidade, resistência e força muscular, através de treinos com movimentos repetitivos, e desenvolver braços, pernas e abdômen com exercícios como pular corda, fazer abdominais, desferir socos em sacos de areia ou manoplas, correr e usar agilidade de movimentos para sair ou entrar em golpes. Considerado um esporte completo, o boxe trabalho diversos grupos musculares, principalmente tríceps, costas, bíceps e panturrilha.
E, como se não bastasse, ainda alivia o estresse por meio das pancadas nos sacos de boxe. Em Conselheiro Pena, a nobre arte se consagra nas mãos de Luiz Carlos dos Santos.
O professor Luiz Carlos, nasceu no dia 25 de janeiro de 1950 em Conselheiro Pena. Daqui saiu aos 10 anos, foi para Brasília, onde constituiu família e tem quatro filhos. Após se aposentar, como já lutava boxe, inaugurou em Conselheiro Pena a academia de Boxe Nobre Arte, e já faz 1 ano de sucesso e de muita prática de boxe.
Pessoa de bem, respeitoso, amigo, tem conquistado a confiança de um público na sua maioria do sexo feminino, que fazem de tudo para manterem tudo em cima mas com responsabilidade e diversão.
Parabéns ao instrutor Luiz Carlos
Fonte e Fotos: Das alunas e alunos da academia.

boxe

Comentários

Comentários

Esta matéria foi visualizada2.725 vezes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *