ABORTO ESPONTÂNEO, QUANDO SE PREOCUPAR – Por Dr. Luis Eduardo

Perder um bebê é um momento difícil, principalmente se há todo o fator de planejamento e preparação.

Infelizmente, sofrer o aborto espontâneo nas 12 primeiras semanas é comum, sendo que 15% das gestantes irão sofrer um aborto espontâneo.⠀
Quando acontece uma vez, pode ser entendido como “ok” e esperado. Mas se isso se repete, é importante ficar de alerta.

Quando acontece “mais” de 2 abortos seguidos, chamamos de aborto espontâneo recorrente ou aborto de repetição, sendo necessário investigação, podendo ser de causa Anatômica (alterações do útero); Endócrinas (Diabestes Gestacional, Insuficiência do Corpo Lúteo que promove queda da Progesterona); Genéticas e Trombofilia.
Mas é importante lembrar que não importa se é a primeira ou quarta vez, procure um obstetra para melhor investigação e acompanhamento!⠀
Sabemos que é um assunto delicado e difícil, mas sem pânico!
Estamos sempre prontos para te ajudar nisso e é bom saber que nada disso é sua culpa!

*Médico Generalista- Ginecologia e Obstetrícia

**o texto é de inteira responsabilidade do autor e não representa necessariamente a opinião do site

Comentários

Comentários

Esta matéria foi visualizada330 vezes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *