DIA MUNDIAL DA ÁGUA … O QUE COMEMORAR? – Por Valter Andrade

Valter Ferreira de Andrade -  Técnico em Saneamento Ambiental / Servidor da FUNASA
Valter Ferreira de Andrade – Técnico em Saneamento Ambiental / Servidor da FUNASA

A ONU – Organização das Nações Unidas instituiu no dia 22 de março de 1992 o DIA MUNDIAL DA ÁGUA, com o claro objetivo de difundir a questão da água em todo o mundo. Com certeza não podemos deixar de dizer que foi uma tomada de decisão interessante, pois já nessa época passados precisamente vinte e seis anos o elemento água já era motivo de preocupação, pois vários países já enfrentavam sérios problemas para abastecer suas populações com o líquido da vida.
O fato nos leva a uma rápida reflexão retroagindo ao ano de 1992, passados exatamente 26 anos da importante e feliz observação da ONU, fazer uma avaliação sobre o que os governantes do planeta fizeram de positivo visando à reversão do problema denominado “RECURSOS HÍDRICOS”. Será que algum país dos seis continentes existentes, principalmente aqueles que já enfrentavam problemas para saciar a sede do seu povo, tentou pelo menos fazer algo que pudesse reverter à situação?
Dentro do contexto, como podemos avaliar as condições dos recursos hídricos em nossa região? Será que a extinção de alguns córregos, a baixa vazão do principal manancial do nosso município, o córrego João Pinto, o Rio Doce também que vem perdendo gradativamente sua imponente vazão no período da seca? Será que temos conhecimento da necessidade da revitalização desses importantes cursos d’água que fazem parte de nossas vidas e de milhões de mineiros que habitam suas margens?
Temos que rever essa cultura ultrapassada e perversa que mesmo passados quase trinta anos da instituição do dia mundial da água, ainda persiste a degradação do nosso meio ambiente, principalmente através dos desmatamentos desenfreados, culminando no desaparecimento e extinção das matas nos topos de morros e das matas ciliares que são responsáveis pela recarga das nascentes e dos lençóis subterrâneos através da infiltração no solo. Por onde passamos nas diversas localidades de nossa região vemos a resposta da mãe natureza estampada e visível aos nossos olhos, são danos irreparáveis que não permitem uma vazão regular de nossas águas, tudo isso fruto da mão impiedosa do homem.
Mesmo diante do quadro negativo, não podemos deixar de mencionar o esforço e a participação ativa das escolas nessa data. O tema vira notícia nas rádios, nos jornais, na TV e praticamente toda rede educacional investe na orientação dos alunos promovendo palestras, teatros, passeios ecológicos, plantio de mudas e uma série de informações que certamente atinge um número considerável de pessoas. Com certeza um ato positivo e de muita relevância praticado por esse segmento.
Ainda há tempo, mas se faz necessário dar um passo a frente, adquirir uma cultura que vise prioritariamente à preservação dos recursos naturais, pensando nas gerações futuras e que nos próximos eventos relacionados ao dia mundial da água possamos estar comemorando resultados mais concretos de intervenção no meio ambiente. A conscientização é primordial para a mudança de atitude e só através dessas ações educacionais será possível mudar o rumo da qualidade do meio ambiente. Lembrando que as ações de intervenção ambiental devem passar pela iniciativa do poder público junto aos demais segmentos da sociedade, para buscar uma solução visando um melhor equilíbrio do sistema ambiental.

Comentários

Comentários

Esta matéria foi visualizada871 vezes

Um comentário em “DIA MUNDIAL DA ÁGUA … O QUE COMEMORAR? – Por Valter Andrade

  • 22 de março de 2019 em 15:54
    Permalink

    Tema muito importante dia mundial da àgua
    Àgua è vida
    Temos que usar com respeito sem desperdicio
    E conscientizar tb a populaçao e principalmente os jovens. Muito obrigada
    Valter Andrade.
    Maria Aparecida

    Resposta

Deixe uma resposta para Maria Aparecida Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *