PRAÇAS CENTRAIS DE CONSELHEIRO PENA SE TORNAM PONTOS DE TRAFICANTES, USUÁRIOS DE DROGAS E ÁLCOOL

Diz a sabedoria popular que onde o bem se afasta o mal toma conta. É o que está acontecendo com as praças centrais da cidade de Conselheiro Pena.
A Praça da Igreja Católica e a Praça da Prefeitura bem no coração de Conselheiro Pena, áreas com muito verde e de constante movimento, estão ficando famosas por agregar traficantes, usuários de drogas e alcoólatras de toda natureza.
Estes ambientes que são públicos que deveriam ser áreas de lazer, estão se tornando um antro constante de crime de tráfico e uso de drogas, inclusive com a presença de menores adolescentes.
É possível perceber traficantes sentados nas praças se passando por pessoas comuns e usuários destes espaços de lazer, rodeado de adolescentes, que muitas vezes são colocados para segurar as drogas, por serem menores, enquanto os consumidores fazem contato com traficante para realizar a negociação da venda de drogas.
O comércio de drogas no local só é interrompido quando a Polícia Militar passa pela rua, mas, minutos depois toda a comercialização de drogas volta à sua rotina.
A Iluminação das praças funciona de forma precária, facilitando o crime e fomentando a impunidade.
O sentimento da população é de medo e apreensão, visto que a utilização do local por pessoas decentes e de bem vem sendo coibido, evitando transitar e permanecer naqueles locais, que por ser um espaço público de lazer da população, sendo ocupada por traficantes e usuário de Drogas.
Em um intervalo de 30 dias, diversas operações policiais na região das praças foram efetuadas e tendo como resultado uma ocorrência por tráfico e outras três por usos e consumo de drogas.

Comentários

Comentários

Esta matéria foi visualizada2.520 vezes

2 comentários em “PRAÇAS CENTRAIS DE CONSELHEIRO PENA SE TORNAM PONTOS DE TRAFICANTES, USUÁRIOS DE DROGAS E ÁLCOOL

  • 27 de janeiro de 2021 em 21:38
    Permalink

    Pelo visto a prefeita não está conseguindo colocar a casa em ordem… na educação até hoje não tenho notícias para matricular meu filho, na saúde tem médicos atendendo sem ser especialistas, agora nossas praças neste caos, triste realidade.

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *