JUSTIÇA CONDENA A 57 ANOS DE PRISÃO HOMEM QUE MATOU DOIS IRMÃOS A GOLPE DE MARRETA EM TUMIRITINGA

A companheira do réu dormia ao lado das filhas pequenas quando ela e o irmão, tio das meninas, foram brutalmente atacados, em casa, em Tumiritinga, município da comarca

Conselheiro Pena- O Ministério Público de Minas Gerais (MPMG) conseguiu a condenação de um homem a 57 anos de reclusão pelo crime de feminicídio contra a companheira dele, e pelo homicídio que vitimou o irmão dela, na madrugada do dia 9 de agosto de 2017, em Tumiritinga.

Os dois irmãos foram mortos a golpes de marreta, por motivo torpe, sem chance de defesa, enquanto dormiam, na casa dela. Quando os crimes foram descobertos ao amanhecer, as duas filhas da vítima com o réu, uma de 4 anos, dormiam ao lado do corpo da mãe. O corpo do irmão da vítima, tio das meninas, estava no cômodo ao lado.

A sessão de julgamento perante o Tribunal do Júri foi realizada pelo promotor de Justiça Juliano Batista Fernandes, no dia 14 de setembro, em Conselheiro Pena. A denúncia foi oferecida pela promotora de Justiça Isabel Mendes Lomeu.

O réu confessou os crimes, e, após o veredicto, foi conduzido de volta ao presídio da cidade, onde já estava recolhido, e segue cumprindo a pena em regime inicial fechado, sem direito de recorrer em liberdade.

Ciúme e violência

Por ser vítima de constante violência doméstica, motivada por ciúme do companheiro, 20 anos mais velho que ela, a mãe das crianças queria que ele fosse embora, mas o réu se recusava a deixar a casa.

Por vingança, ele premeditou o crime e viajou para uma cidade do Espírito Santo, no dia anterior, onde comprou um par de luvas, que depois foram encontradas com manchas de sangue. Após cometer os crimes, ele fugiu da casa levando alguns eletrônicos, tentando simular latrocínio.

*Com informações do MPMG

Esta matéria foi visualizada1.398 vezes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *